Agtech Bart Digital movimenta R$ 3,2 bilhões em CPRs eletrônicas na pandemia

Isolamento social motivou o aumento da procura pela alternativa


Após sete meses de operação, a plataforma Ativus, da agtech Bart Digital, movimentou R$ 3,2 bilhões em formalizações eletrônicas de garantias para as culturas de soja, milho, algodão e café da safra 2020/2021.O lançamento da plataforma foi antecipado por causa da pandemia e, até o momento, foram realizadas operações em 13 Estados. Por meio da Ativus é possível fazer a emissão e o registro de recebíveis eletronicamente.


“Alguns cartórios deixaram de realizar atendimentos presenciais e o registro eletrônico foi a única alternativa para a formalização das garantias agrícolas. Além disso, com o distanciamento social, o produtor rural passou a ficar mais na fazenda, limitando seu deslocamento para coleta de assinaturas e registros em balcão de cartórios”, afirma Mariana Bonora, CEO da Bart Digital, em nota.


Em linha com a Lei do Agro, a agtech também oferece aos seus clientes a possibilidade de realizar o registro centralizado de suas cédulas. “O desafio agora é disponibilizar uma interface simples e amigável para que todos os elos da cadeia agrícola possam adequar seus recebíveis à nova regulamentação”, afirmou Bonora. Entre os usuários da plataforma estão agroindústrias, cooperativas, revendas, instituições financeiras e securitizadoras.